Why so serious?


Acabei de ver o filme novo do Batman e está difícil comentar alguma coisa que não seja o óbvio: o Coringa arrasa mesmo. Talvez o longa mais esperado do ano, Batman - o cavaleiro das trevas justifica tanta ansiedade, menos pelo Homem-Morcego em si (que aparece relativamente pouco) do que pelo vilão magistralmente interpretado por Heath Ledger.

Ok, eu assumo que nunca fui fã do ator, sempre o achei meio canastrão e fiquei com um pé atrás quando soube que o papel seria dele. Nem o caubói gay de Brokeback Mountain conseguiu me impressionar. Achei o filme de Ang Lee ruim, arrastado, frio, sem emoção. Só consegui atribuir todo o frisson que o filme causou pela temática polêmica mesmo.

Mas reconheço que neste trabalho Ledger se superou. Ele estava irreconhecível na tela. A gente percebe que ali houve realmente a construção do personagem: visual, voz, trejeitos, aquele olhar louco de dar medo. Foi o papel da vida dele. Pena que foi o último.
Giselle de Almeida

4 comentários:

Milton Fernandes disse...

Dizem que estão pensando em um Oscar postumo. Eu acho bem bacana.
Ele ficou muito tempo trabalhando esse personagem, e merece, mesmo depois de morto, cada elegio!

Nayra Garofle disse...

E aí Gi, quando vamos começar o momento msn blogueiro?rs...
bjs

Giselle de Almeida disse...

Estava só esperando vcs aparecerem! :)

Fabiane Bastos disse...

Então ó eu aqui!

Vou dizer pq ainda não escrevi nada sobre o Batman: É pq tô com raiva!

É isso mesmo raiva!

Por Heath Leadger ser um mané que morreu de bobeira, e por causa disso não vamos poder ver esse Coringa novamente.

Quer se matar pelomenos se mate com estilo, e veja se não deixa nenhuma obra incrivel inacabada.(overdose acidental de remédios - fala sério!!!)